O DESASTRE AMBIENTAL DO MURO ENTRE MÉXICO E EUA E O PASSAPORTE VERDE

  Para fugir dos inimigos, a corrida e para correr do calor do aquecimento global, deslocamento. As espécies não reconhecem fronteiras. A onça que está no Paraguai em um minuto, no outro pode estar no Brasil. Os animais não têm nacionalidades. No entanto, futuramente, se o muro de Trump sair realmente do papel, diversas espécies Leia mais… »