Tempo de leitura:2 minutos

FEBRE AMARELA NO PARQUE DO ITATIAIA

Turistas e visitantes devem assinar termo de responsabilidade

 

Mosquitos do gênero Haemagogus são transmissores da versão silvestre da febre amarela

Infelizmente a febre amarela chegou ao Parque Nacional do Itatiaia, para os macacos pode ser uma grande tragédia, já que o vírus está dizimando populações inteiras destes primatas. Como previsto aqui na revista  a Ilha Grande sofreu e sofre uma grande epidemia de febre amarela, relatos de moradores dão conta do desaparecimento das populações de Bugios (Alouatta guariba ) símbolo do parque estadual que há na Ilha. A Ilha Grande teve até o momento 25 casos da doença e 12 mortes.

Como o clima na região da Serra já começa a ficar frio isso dificulta a reprodução do  mosquito vetor do vírus, espera-se que o vírus não se propague. A Prefeitura de Itatiaia afirmou que 85,4% da população já foi imunizada. Campanhas de vacinação ocorrem em pontos da cidade.

Alouatta guariba (fonte:http://marcelohubel.blogspot.com.br/2014/10/macaco-bugio-ruivo-alouatta-guariba-em.html

 

“O primata foi encontrado na parte baixa do parque na primeira semana de fevereiro. O resultado foi divulgado na sexta-feira (2). Esta parte é caracterizada, principalmente, pelos cursos d’água, com diversas áreas apropriadas para o banho. O chefe do parque, Gustavo Tomzhinski, informou que o cadáver foi encontrado na região próxima à sede do parque, onde fica o centro de visitantes.

Gustavo também informou que outros dois animais foram encontrados mortos na sexta-feira (2), porém eles estão sendo analisados pelo médico veterinário do parque.” G1

 

Abaixo a circular interna emitida pelo Parque Nacional:

MINISTÉRIO DO MEIO AMBIENTE

INSTITUTO CHICO MENDES DE CONSERVAÇÃO DA BIODIVERSIDADE

PARQUE NACIONAL DO ITATIAIA

Estrada do Parque Nacional, KM 8,5, –  Itatiaia – CEP 27580970

Telefone: (24)33521292

Memorando Circular SEI nº 2/2018-PARNA Itatiaia/ICMBio

Itatiaia, 02 de março de 2018

À Equipe do Parque Nacional do Itatiaia

Assunto: Confirmação de caso de febre amarela.

Caros Funcionários e Voluntários do PNI,

  1. Na noite de 02/03/2018 recebemos a confirmação de pelo menos um caso de febre amarela em primatas não humanos

(macacos) no interior do Parque Nacional do Itatiaia. Desta forma, passamos de área de alerta para área de circulação confirmada do

vírus da febre amarela.

  1. A partir da abertura do parque em 03/03/2018 os visitantes deverão assinar o termo de ciência de risco em anexo.
  2. Solicitamos a todos a intensificação das orientações aos visitantes com relação à importância da vacinação e da proteção aos macacos, que são vítimas do vírus e não transmissores da doença.
  3. Informações para a imprensa devem ser centralizadas através de mim ou do Leonardo Cândido.
  4. Eventuais medidas adicionais estão sendo avaliadas pela nossa equipe em conjunto com as instâncias superiores do ICMBio.

Agradecemos a todos a tradicional colaboração

Atenciosamente,

GUSTAVO WANDERLEY TOMZHINSKI

Chefe do Parque Nacional do Itatiaia

 

 

 

Sandro Muniz

POSTAGENS RELACIONADAS
Pocket