Tempo de leitura:1 minuto

LIVRO:

IMPERIALISMO ECOLÓGICO (EDIÇÃO DE BOLSO) – A expansão biológica da Europa 900-1900
Alfred W. Crosby

capa do livro imperialismo ecológico 2

O Ser humano para onde vai leva junto uma “biota portátil”, que em muitos casos pode ser benéfica para o homem (plantas que servem de alimentos, animais de criação, leveduras, etc) mas pode levar doenças que podem dizimar populações de outros organismos, ou mesmo populações humanos (a gripe matou muitos habitantes que moravam nas Américas antes da vinda dos europeus). Esta “biota portátil” ajudou, de acordo com Alfred Crosby, a expansão do domínio europeu sobre o mundo.
E em muitos casos o domínio europeu não foi possível, pois a biota do pais destino impedia o estabelecimento dos europeus (exemplo: o mundo árabe, China, dentre outros).
Um livro bem interessante já que mescla história, cultura, ecologia, biologia e muitas passagens inesperadas, como quando Darwin esteve pelo continente Sul Americano e descobriu laranjeiras e pessegueiros que vieram de plantios vindo de bem longe… sementes transportadas por rios até a foz do Paraná.

O livro vale a pena, também, por mostrar o lado invisível da história, que  está nos bastidores, dos seres que não estão no papel principal do grande teatro/ação da vida, mas que forjam e forjaram as grandes cenas.

 

POSTAGENS RELACIONADAS
Pocket