Inicial, poética

UMA FLOR NASCEU NA RUA

Parte do poema “A flor e a náusea” de Carlos Drummond de Andrade. A natureza é muito mais forte do que imaginamos, mas as ações humanas são tão fortes e em tão grande quantidade que fica difícil a flor que nasceu na rua continuar seu brilho.     “…..Uma flor…

Continue reading